LINGUAGENS MAIS POPULARES 2017

 Tópico anterior Próximo tópico Novo tópico

LINGUAGENS MAIS POPULARES 2017

VB / VBA

 Compartilhe  Compartilhe  Compartilhe
#475661 - 07/08/2017 22:48:31

MARIOANDRADE
SANTO ANTONIO DE JESUS
Cadast. em:Abril/2012


Última edição em 07/08/2017 22:50:10 por MARIOANDRADE

Pessoal, olhem só o ranking das linguagens de 2017, o Python vem conquistando
seu espaço a cada dia.
Se não me engano em 2016 o Visual Basic estava na 17ª colocação....



fonte: http://spectrum.ieee.org/static/interactive-the-top-programming-languages-2017


    Cursos de Excel e VB6:
    www.cursoexcelvba.com.br



#475666 - 08/08/2017 04:39:14

ANDPAG
SAO JOSE DO RIO PRETO
Cadast. em:Julho/2009


Li em um artigo que as linguagens da microsoft como C# e vb.net vão cair ainda mais nos próximos anos. E linguagens como phyton e ruby tendem a crescer.

Seu gráfico a meu ver mostra exatamente isso.




#475669 - 08/08/2017 08:31:09

DS2T
BARRA MANSA
Cadast. em:Novembro/2010


Última edição em 08/08/2017 08:32:20 por DS2T

Precisa ver qual foi o critério e em que áreas de atuação foram feitas essas pesquisas. Ao meu ver, completamente tendenciosas.

Python é uma linguagem interpretada, logo a performance, quando comparada a uma linguagem compilada, é inferior.

Pra mim, claramente essa pesquisa foi feita nas áreas de pesquisas científicas. Como é o caso do estudo de Machine Learning, Big Data, Data Mining, etc...  Que o pessoal agora está adotando Python como a nova queridinha. O motivo? Vai saber... Porque uma linguagem que tem sua estrutura baseada em tabulação é osso (pelo menos pra mim né...), e nenhuma IDE (pelo menos Free) chega aos pés do VS ... Pra ter ideia, tenho usado Notepad++ ou Ninja.  Python e R estão tomando mais espaço no meio acadêmico e de pesquisas, justamente por existir mais bibliotecas prontas sobre esse assunto. C, C++ e Java nem preciso comentar né? São os favoritos dos professores em cursos de graduação... Apesar de C e C++ serem linguagens incontestáveis, que realmente merece estar em qualquer ranking.

Não considero essa uma pesquisa séria e que dê pra tirar alguma conclusão de tendência do mercado.


"Cansei de frases intelectuais" - Eu mesmo


#475670 - 08/08/2017 08:34:10

KERPLUNK
RIO GRANDE DO SUL
Cadast. em:Junho/2009


Membro da equipe
Acredito que C# deve se manter mais ou menos na mesma. Mas Visual Basic essa sim tende à cair. Python e Ruby estão altamente cotados no mercado pela facilidade e rapidez no desenvolvimento. O forte mesmo do Python é o trabalho backend. WebAPI's desenvolvidas com ele(e o todo poderoso Django) são MUITO rápidas, mesmo com grande volume de dados. Para quem não sabe, você pode programar Python e Ruby tanto no Visual Studio Code quanto no Visual Studio normal. Ambos possuem suporte para isso. E aí que entra o barato de se programar com C#, a sintaxe é basicamente igual.

_______________________________________________________________________
Gostaria de ter seu sistema Desktop "traduzido" para uma interface web? Podemos conversar...
Virei Oráculo!
The end is nigh, be ready for the nukes!


#475673 - 08/08/2017 09:10:44

KERPLUNK
RIO GRANDE DO SUL
Cadast. em:Junho/2009


Membro da equipe
Pois é DS2T, o caso é que essas "pesquisas" servem como ponto de orientação para empresas definirem seus rumos para projetos futuros. E "linguagem" é um termo bem ultrapassado, quanto à sua semântica. Veja o caso do .NET por exemplo. O CLR é bem versátil e capaz de suportar praticamente qualquer dialeto(que é um termo bem mais apropriado). Para .NET existem vários plug-ins para basicamente qualquer linguagem, inclusive Python e Ruby. Além disso, é a hora dos frameworks. Veja o caso do Node por exemplo. É basicamente Javascript, mas tem uma série de plug-ins pra ele que fazem do Node uma plataforma altamente útil. Também não acho justa ou realista essa pesquisa, mas infelizmente não é o que pensam os empresários(ou são levados à pensar). Eles baseiam os rumos por essas pesquisas(veja o caso do SEBRAE), direcionando o mercado futuramente. Como já venho dizendo aqui no fórum incansavelmente: Larguem de mão a maneira como programam proceduralmente. Somente com entendendo OOP, que esse paradigma de sintaxe e "linguagem" é abolido de vez e você passa a enxergar qualquer dialeto ou plataforma como praticamente a mesma coisa. Fazendo muito pouca diferença se usa C#, Java, Go, Ruby, Python ou qualquer outra.

_______________________________________________________________________
Gostaria de ter seu sistema Desktop "traduzido" para uma interface web? Podemos conversar...
Virei Oráculo!
The end is nigh, be ready for the nukes!


#475674 - 08/08/2017 09:32:18

JCM0867
BALNEARIO CAMBORIU
Cadast. em:Março/2012


Lentamente estou deixando o VB.NET e indo para o C# e estudando a fundo OOP
O VB.NET ainda vai ficar comigo mais uns 2 ou 3 anos no máximo.



#475676 - 08/08/2017 09:52:01

CLEVERTON
SERRINHA
Cadast. em:Dezembro/2003


Membro da equipe

Última edição em 08/08/2017 09:52:36 por CLEVERTON

Estranho, como HTML (que não é Ling. de programação) está abaixo das que dependem dela ? ( Ex: javaScript )

E Arduino é linguagem desde quando ?

acho que tem coisa errada nisso ai.




#475677 - 08/08/2017 09:54:31

SINCLAIR
CRICIUMA
Cadast. em:Janeiro/2001


Colegas,

Alguns outros alunos do mestrado dizem que o PHP morreu.
Curioso é que ninguém sabe onde fica o cemitério.

Estou contente com PHP, PostGreSQL, JavaScript e, por óbvio HTML e CSS.

Mas, creio, ser programador para si mesmo é uma coisa, para procurar emprego é outra, e bem diferente.

A vantagem de ter a própria empresa é que não preciso seguir "as últimas tendências da moda" em programação.

De qualquer forma, para meu próprio aprimoramento pessoal e para o futuro da empresa, que pode acabar dependendo da "modinha do momento" em função de infra-estrutura no mercado, sempre estudo as outras linguagens.

Mas, sinceramente... Java acho um horror. Começa pelo gerenciamento de strings, que é completamente fora da casinha.

OOP, em qualquer linguagem, é fundamental.

Tudo de bom.


Euzébio Cruz
Criciúma - SC


#475679 - 08/08/2017 11:00:07

JCM0867
BALNEARIO CAMBORIU
Cadast. em:Março/2012


Citação:
Mas, creio, ser programador para si mesmo é uma coisa, para procurar emprego é outra, e bem diferente.
A vantagem de ter a própria empresa é que não preciso seguir "as últimas tendências da moda" em programação.
De qualquer forma, para meu próprio aprimoramento pessoal e para o futuro da empresa, que pode acabar dependendo da "modinha do momento" em função de infra-estrutura no mercado, sempre estudo as outras linguagens.


Isso mesmo. Quando trabalhamos por conta não importa a Linguagem(dialeto). Pro cliente não interessa se usou A, B ou C, para ele só interessa o resultado.
Agora pro mercado de trabalho já é mais complicado, tem que estar na "Moda"




#475680 - 08/08/2017 11:17:37

MARIOANDRADE
SANTO ANTONIO DE JESUS
Cadast. em:Abril/2012


Citação:
:
Li em um artigo que as linguagens da microsoft como C# e vb.net vão cair ainda mais nos próximos anos....

Se não me falha a memória o VB.Net estava na décima primeira colocação em 2016 e nem aparece na lista, O C# estava na sexta
posição e agora está na quinta.
Quem teve uma queda significativa foi o PHP que em 2016 se não me engano estava em segundo logo atrás do JAVA.

OBS: Se acessarem o site Clique aqui e clicarem em Visual Basic poderão notar
que se refere ao VB 6.0 e não a toda linguagem Visual Basic que nesse caso estaria incluso o VB.Net


    Cursos de Excel e VB6:
    www.cursoexcelvba.com.br



#475681 - 08/08/2017 11:20:47

MARIOANDRADE
SANTO ANTONIO DE JESUS
Cadast. em:Abril/2012


Citação:
:
Precisa ver qual foi o critério e em que áreas de atuação foram feitas essas pesquisas.

Muito be colocado DS2T, segundo eles esse ranking se baseia dentre outras coisas no que é buscado nos
sites de busca.


    Cursos de Excel e VB6:
    www.cursoexcelvba.com.br



 Tópico anterior Próximo tópico Novo tópico


Para responder este tópico o login é requerido
Se você já possui uma conta de usuário por favor faça seu login
Se você não possui uma conta de usuário use a opção Criar usuário